Tag Archives: Chanel

Compras da viagem

11 ago

Em julho viajei pela Europa, passando por Viena, Praga, Budapeste e Paris. E como qualquer beauty addicted, pirei em todas as Sephoras, e farmácias, principalmente as francesas. Além de ser um pouco mais barato que o Brasil, a gama de produtos é gigantesca!

Durante a viagem, tentei postar minhas compras no Instagram (me sigam, @manumeirellesva) e uma delas que eu fiquei apaixonada, foram as novas sombras cremosas da Maybelline Color Tattoo. As cores são bem básicas, uma cinza chumbo (Immortal Charcoal) e uma meio taupe (Permanent Taupe), mas por serem cremosas são ótimas para fazer o mix cremosa + pó. A outra na foto é uma preta no estilo da Mirifique Illusion D’Ombre da Chanel, que eu comprei para uma amiga.

Outra coisa foi a tão desejada base Teint Miracle (a minha cor é a 010, a europeia), da Lancôme. Ela tem realmente a aura iluminada, como a marca diz deixando a pele lisinha e com um glow, muito maravilhosa. Também amei conhecer a NARS que estava na minha lista há tempos com vários produtos, entre eles o famoso blush Orgasm, o iluminador Copacabana e o batom Schiap, três best-sellers da marca. Comprei também o Velvet Matte Pencil, Dragon Girl, e o Pure Matte, Madere e Valparaiso, um vinho lindo. Os produtos deles são bem pigmentados, vale a pena.

Na foto ainda tem o pincel Kabuki da Sephora, para passar bronzer e o demaquilante hit dos camarins, Bioderma, duas novas paixões.

Mas a coqueluche foi o Violet Fatale do Tom Ford, super difícil de achar e que em Paris (comprei lá) só tem no Le Bon Marché. A linha toda de maquiagem dele é muito rica, e o batom não deixa a merecer. A cor é linda e diferente, um roxo vivo. A textura, muito parecida com os batons da Chanel aliás. então você pode comer e beber mas ele continua lá, só que com aparência de stain. Amei e já quero outro.

Uma coisa que não saiu em nenhuma das fotos, não sei o motivo, mas que eu desejava há tempos é o Lip Erase da M.A.C. Por ser um produto PRO, é bem mais difícil de achar, mas em Paris tinha uma loja PRO na 76 bis, rue des Saints-Pères e foi lá que eu achei. Ele é muito legal, porque não resseca como o corretivo, e a própria M.A.C diz que é um balm só que apagador de boca. A minha cor é a Pale e ele pode ser usado também como base para batons claros e vermelhos (!), como me disse o maquiador querido da marca, Wagner. Segundo ele, a cor fica mais próxima a da bala (o batom em matéria de massa).

Anúncios
1 abr

Como toda mulher, depois de maquiagem, minha segunda paixão é sapatos. E foi seguindo essa paixão que entrei na onda do Capsize, by Stuart Weitzman, uma revisitação (na minha opinião) do famoso Chanel bicolor com aquele de salto retangular do inverno 2011 da Louis Vuitton. Foi nesse encontro que a marca criou um sapato de bico fino e metalizado, com ar vintage em tons pastéis e em preto, com a ponta branca. É para virar ladylike, já! Let’s go back to 50’s.

A única coisa é que o preço é meio carinho ($375), será que vale a pena, ou esperamos pela versão Zara?

Chanel Fall 2011

9 mar

Ela já teve desfile com icebergs, um leão no meio, pedrinhas imitando gelo e agora numa vibe meio dark com fumaças e uma “caixa” de presente em cada lado com os tais “Cs” entrelaçados. O vídeo, disponível no Site RG – Desfile Chanel (é só clicar e dar play), mostra em onze minutos o clássico do inverno. Sem peles, botas a lá homem das neves e os tailleurs de Mademoiselle Chanel em versão Pólo Norte. A palheta de cores se manteve no cinza, branco e preto com pitadas de vermelho e verde, tudo em um toque grunge com rock n’ roll. Pérolas rolaram, e a bolsa de corrente não veio tãaao matelassada como sempre, não que eu não goste, por que amo, só que precisava mudar um pouco né Karl?

O B&W continua firme e forte.

O preto, clássico do inverno, vem em grunge chic com o tailleur em cima e em romântico com os paêtes e o scarpin

O cinza, vem em monocromia e em xadrez

O verde dá alegria ao preto, e vem também em monocromático.

Vermelho, vermelho, vermelho: só dá ele nesse inverno.

Eu não paro de olhar esses dois vestidos. Wish List Now!

Se depender de Karl, as últimas montagens acima dizem que nosso inverno será feito de: vestidos long sleeve, penas e váaarias calças dobradas. Hmmm inverno..

 

Mas como desfile da Chanel não é só roupas, bolsas e sapatos, o esmalte da vez e o que Peter Phillips, diretor artístico da Chanel, fez de beauté para a nova coleção da Chanel, conta e sempre é meeega falado depois.

O esmalte ainda não foi divulgado, mas assim que for atualizo aqui. Make com brilho misturado (preto, prata e branco brilhoso), rímel, delineador e lápis de leve só pra contorno e batom cor de boca. Um make meio clean.

E a melhor parte do backstage: a mesa de makes!!!

Bye Girls, amanhã tem mais!

Fotos: Style.com

Blake Lively Chanel

8 mar

Foi divulgada a primeira foto da linha de bolsas Mademoiselle da Chanel com Blake Lively como garota propaganda. A moça tá indo bem hein??

Segue a foto.

Foto: Just Jared

Blake Chanelística

8 dez

A Chanel já teve como rosto Audrey Tatou por Chanel n°5, Keira Knightyley por Coco Chanel Mademoiselle e Kate Moss também pelo mesmo perfume. Entre tudo isso, também ja lançou várias tendências como as listras azul e branca, a Chanel 2.55 matelassada, o sapato bicolor, os esmaltes coloridos e entre muuuitas outras coisas e hoje foi anunciado que nossa marca desejo tem um novo rosto para desfilar por aí looks de dar inveja, ninguém mais que nossa musa Blake Lively, loira, linda e perfeita e o tipo de mulher Chanel, por que é verdadeira e mostra que mesmo sendo perfeita tem suas imperfeições.  Quem acha que ela vai ser um rosto de dar inveja? Por que eu super coloquei fé nela!

O estranho que é bonito.

28 set

Eu sempre achei HORRÍVEL mesmo, a nova moda de usar shorts com meia calça, porque shorts é o tipo de coisa que você usa quando tá aquele calor que temos na Cidade da Garoa (mas cadê a Garoa???) , e a meia calça não se comporta, se você sente frio nas pernas pernonas brasileiras, então vamos lá e nos enfiar num jeans ou senão troque o shorts pela saia ou vestido e seja feliz assim com pernas quentinhas e sempre in. Mas navegando pela internet hoje, vi essa foto da Sienna Miller indo jantar em Londres com o maridão Jude Law, e com um look que eu amei, e que pra mim eu super tentava, se não fosse pelas minhas pernonas brasileiras.

Eu amei esse casaco de pele, a combinação de cores, que ficou o máximo esse nude não nude quebrado com o preto da meia, a bolsa Chanel e o sapato com a meia preta, e olha que dou meu nariz a torcer por sapato com meia, que não seja da mesma cor. E esse batom, aaaah esse batom. Olhando longe ele parece vermelho, mas perto ele parece aquele pink que usaram agora recentemente no desfile da Diane Von Furstenberg, aquele pink, pink mesmo (ótima definição).

Mas isso que a Sienna fez, foi mostrar como usar uma coisa que todo mundo pode achar super estranho, pode ser o que mais dá certo. Por isso que fal0, não importa que a festa tenha que ir com roupa da época que Maria Antonietta era rainha, mas se você acha que o corselet vai te apertar, ou que não quer aquele decotão quadrado na frente, mas que você nunca experimentou essas duas coisas você não tem como falar que vai ficar estranho. Como minha mãe sempre diz ‘Experimentar não tira pedaço.’ Você não vai perder uma mão, nem um pé fazendo esse esforço, quando a peça pode se tornar a sua melhor amiga. Ouse seeeempre! E vou falar isso até que alguém fale, ousei e achei o máximo! hahaha