Tag Archives: Paris

Sacre Coeur – Valparaiso NARS

13 ago

Vasculhando pelas minhas pastas de fotos da viagem achei essa de quando fui visitar o Sacre Coeur, em Paris, e lembrei que no dia eu tava usando o Valparaiso da NARS. Ele é um vinho, meio arroxeado muuito bonito, e é um dos mais escuros que eu tenho, amei essa cor! O resto da make não mostra porque eu estou de óculos escuros (Ray Ban vintage) mas se eu me lembro era algo com uma sombra meio taupe, acho que a Tapestry Taupe da Cover Girl. Rímel básico, e um iluminador, provavelmente o High Beam, Benefit ou o Living Luminizer, RMS. Estou gostando bastante de usar esses dois com o batom. O blush (esse eu tenho certeza) era o Orgasm, da NARS.

Vou vendo se tenho mais fotos, pelo menos com os batons (a maioria eu estou de óculos escuros) para mostrar. Tomando vergonha na cara e mostrando minha face hihi.

Anúncios

Compras da viagem

11 ago

Em julho viajei pela Europa, passando por Viena, Praga, Budapeste e Paris. E como qualquer beauty addicted, pirei em todas as Sephoras, e farmácias, principalmente as francesas. Além de ser um pouco mais barato que o Brasil, a gama de produtos é gigantesca!

Durante a viagem, tentei postar minhas compras no Instagram (me sigam, @manumeirellesva) e uma delas que eu fiquei apaixonada, foram as novas sombras cremosas da Maybelline Color Tattoo. As cores são bem básicas, uma cinza chumbo (Immortal Charcoal) e uma meio taupe (Permanent Taupe), mas por serem cremosas são ótimas para fazer o mix cremosa + pó. A outra na foto é uma preta no estilo da Mirifique Illusion D’Ombre da Chanel, que eu comprei para uma amiga.

Outra coisa foi a tão desejada base Teint Miracle (a minha cor é a 010, a europeia), da Lancôme. Ela tem realmente a aura iluminada, como a marca diz deixando a pele lisinha e com um glow, muito maravilhosa. Também amei conhecer a NARS que estava na minha lista há tempos com vários produtos, entre eles o famoso blush Orgasm, o iluminador Copacabana e o batom Schiap, três best-sellers da marca. Comprei também o Velvet Matte Pencil, Dragon Girl, e o Pure Matte, Madere e Valparaiso, um vinho lindo. Os produtos deles são bem pigmentados, vale a pena.

Na foto ainda tem o pincel Kabuki da Sephora, para passar bronzer e o demaquilante hit dos camarins, Bioderma, duas novas paixões.

Mas a coqueluche foi o Violet Fatale do Tom Ford, super difícil de achar e que em Paris (comprei lá) só tem no Le Bon Marché. A linha toda de maquiagem dele é muito rica, e o batom não deixa a merecer. A cor é linda e diferente, um roxo vivo. A textura, muito parecida com os batons da Chanel aliás. então você pode comer e beber mas ele continua lá, só que com aparência de stain. Amei e já quero outro.

Uma coisa que não saiu em nenhuma das fotos, não sei o motivo, mas que eu desejava há tempos é o Lip Erase da M.A.C. Por ser um produto PRO, é bem mais difícil de achar, mas em Paris tinha uma loja PRO na 76 bis, rue des Saints-Pères e foi lá que eu achei. Ele é muito legal, porque não resseca como o corretivo, e a própria M.A.C diz que é um balm só que apagador de boca. A minha cor é a Pale e ele pode ser usado também como base para batons claros e vermelhos (!), como me disse o maquiador querido da marca, Wagner. Segundo ele, a cor fica mais próxima a da bala (o batom em matéria de massa).